A Simplicidade do Agora


Na arrumação para mudança de apartamento, desarmei a prateleira onde colocava frutas para os passarinhos que vinham me visitar. A princípio, fiquei sentida, mas logo percebi que já era hora de me despedir para dar espaço a um novo relacionamento com eles.

Fiquei pensando como seria o dia seguinte, quando os passarinhos se deparassem com um lugar diferente, sem as frutas que estavam ali todos os dias, já bem cedinho. E, para minha surpresa, quando acordei, vi que tudo corria bem. Eles seguiam cantando nos arredores.

Viver no agora é como essa experiência com os passarinhos: a gente libera um padrão e, assim, nos abrimos a sentimentos tão leves, tão além das palavras... 

Gratidão por estar viva e experienciando tantas coisas de maneira simples.


(Aline Bitencourt)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra compartilhar, dar um oi...

*As imagens contidas aqui são edições de telas de LH, registros de eventos ou do nosso cotidiano, exceto as relacionadas ao Crimson Circle.