Seus "Pobremas" Acabaram (Descontração)


Shaumbra, não-Shaumbra, belo, bela, estranho, estranha, normal...

Você está sofrendo com aquela “velha energia” que insiste em dizer que “depois da tempestade vem a bonança”, sendo que o “bendito” temporal nunca passa?

Você sente que o mais perto da “abundância” que já esteve foi quando, ainda na década de 90, viu a Carla Perez dançando no “É o Tchan”?

Você é daqueles que ainda evita pensar mal dos seus “amigos” e colegas “pentelhos”, familiares “fofoqueiros" e outras “personas non gratas” com medo de que tudo volte pra você e em dobro?

Você sente que quando está “zen”, tranquilo, feliz da vida, naquele momento "relax", quando você acendeu aquele incenso e repetiu seu mantra “quinta dimensão” preferido, recebe uma ligação do seu “ex-amor" que sumiu há meses sem pagar a última fatura do seu cartão de crédito e ainda te colocou um "par de chifres"?

Você sente que a “consciência de massa” está “consumindo” você a níveis intolerantes e você está cada vez mais recorrendo a dramas, romances, parentes, empréstimos, vícios?

Você está com mais falta de energia do que cidade brasileira em dia de apagão?

Então, os seus “pobremas” acabaram:

Você precisa é fazer uma RESPIRAÇÃO PROFUNDA E CONSCIENTE!!!!


(Luiz Henrique)