Respirando, Clareando e Expandindo


Estava sentado olhando o entardecer de domingo e comecei a sentir todo um pesar pelo fato de amanhã ser segunda-feira, dia de trabalho. E percebi que não há amor quando não há graça e humor naquilo que fazemos.

Eu gosto de passar todos os dias comigo mesmo e ouso ir mais além do que a expansão que experimento agora, criando - através da respiração - um aspecto iluminado e cheio de clareza. Assim escolho para que a vida seja sempre uma grande brincadeira. E faço isso unicamente por mim mesmo. Sou um humano autêntico, o único Mestre e a única "autoridade" de mim mesmo.


(Luiz Henrique)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra compartilhar, dar um oi...

*As imagens contidas aqui são edições de telas de LH, registros de eventos ou do nosso cotidiano, exceto as relacionadas ao Crimson Circle.