Gratidão à Vida


A vida existe por causa de mim, e não, eu existo por causa da vida. 

A vida é a manifestação das minhas criações

e seu cenário é a realidade que crio. 

Gratidão à Vida vai além do conceito de “vida linda que eu amo”. 

Às vezes seu cenário é cinza também. 

Talvez haja algumas cores pálidas

ou a ânsia de colorir a vida 

com cores que nem sei bem quais são. 

Gratidão a essa Vida única, que é tão flexível e perene, 

mesmo tendo no palco uma prisão. 

Tudo apenas faz parte do cenário. 

Vida flexível e mutante, mesmo quando lutando pra não. 

E, num sopro do vento, a vida se vai... 

E simplesmente fica o “Eu Existo”,

além do tempo, do espaço e da Vida. 

Portanto, por que não sentir gratidão à Vida?

Gratidão a essa criação preciosa

que é o brinquedo do nosso Existir! 


(Aline Bitencourt)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra compartilhar, dar um oi...

*As imagens contidas aqui são edições de telas de LH, registros de eventos ou do nosso cotidiano, exceto as relacionadas ao Crimson Circle.