Eu Escolhi Mudanças!


Já vivenciei várias mudanças. Não mudei porque o destino foi implacável e intransigente. Mas porque eu escolhi mudar. As mudanças podem ser desafiantes, mas não precisam ser difíceis. De uma forma ou de outra, elas acontecem do modo que é apropriado que aconteçam.

Quando comecei a escolher com uma consciência "despadronizada" e diferente da grande maioria, passei a não ter controle sobre nenhuma mudança em minha vida. Apenas acreditei muito em mim, sem transferir responsabilidade para ninguém. Não sei dizer exatamente quando comecei a escolher dessa maneira, mas me lembro de como as minhas escolhas começaram a se expressar de forma viva. Eu me senti mais leve e compreendi como o drama e o medo agem de forma cíclica, fazendo com que eu não enxergasse os infinitos potenciais ao meu dispor.

Quando os potenciais se apresentam pra nós, nem sempre compreendemos que fomos nós que os escolhemos. Por isso não é sempre que permitimos que se expressem, a ponto de transformar a nossa vida. E essa "não aceitação" pode gerar emoções confusas e contraditórias. Pode tornar as coisas complexas. Quando assim acontece, podemos ter um olhar compassivo para nós mesmos através da consciência da nossa própria respiração. De forma simples e sem maiores técnicas, sentimos nosso próprio corpo, o movimento do ar logo atrás do umbigo... E nos permitimos "descriar" e recriar a nossa vida.

Deixei muita coisa ir e me transformei muito desde que comecei a ler as mensagens da Nova Energia. Mas não foi nenhum texto, facilitador, professor ou Mestre que fez com que eu chegasse até aqui, onde estou agora. Foi Eu mesmo. Com coragem, ousadia, honrando minhas escolhas e as dos outros, aceitando as minhas próprias sombras e fragilidades como apropriadas em cada momento. Toda vez que a escuridão se fez presente, não precisei enxergar com meus próprios olhos, como dizem que fazia Tomé. Utilizei meus outros sentidos humanos e minha intuição. E, de forma incondicional, passei a experienciar o meu próprio Sol: a minha Alma.


(Luiz Henrique)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra compartilhar, dar um oi...

*As imagens contidas aqui são edições de telas de LH, registros de eventos ou do nosso cotidiano, exceto as relacionadas ao Crimson Circle.